ITAMARATY CONFIRMA QUE NÃO HÁ BRASILEIROS ENTRE AS VÍTIMAS DO ACIDENTE AÉREO DA ETIPÓA

O Ministério das Relações Exteriores confirmou que não havia brasileiros a bordo do avião que caiu na Etiópia na manhã deste domingo (10), segundo informações da Globo News. A aeronave da Ethiopian Airlines, modelo Boeing 737, que se deslocava da capital etíope Adis Abeba a Nairóbi, caiu logo após a decolagem. Segundo a companhia aérea, o acidente vitimou as 157 pessoas que estavam a bordo, entre 149 passageiros e oito membros da tripulação, de 35 nacionalidades.


Segundo a Ethiopian Airlines, há 32 quenianos, 18 canadenses, 17 etíopes, oito chineses, oito norte-americanos, oito italianos, sete franceses, sete ingleses, seis egípcios, cinco holandeses, cindo alemães, quatro indianos, quatro eslovacos, três russos, três austríacos, três suecos, dois espanhóis, dois israelenses, dois marroquinos, dois poloneses e cidadãos de outros 16 países.

Ainda não foram divulgadas as causas deste acidente. O CEO da companhia disse que o piloto enviou pedido de socorro e foi dada permissão para retornar. O operador de tráfego aéreo do país disse que a aeronave apresentou velocidade vertical instável após a decolagem e que a visibilidade parecia estar clara.

A Boeing disse que está "profundamente entristecida" e pronta para ajudar a companhia aérea. A fabricante de aviões informou também que está preparando uma equipe técnica para prestar assistência nos trabalhos de retiradas dos escombros do avião.

A Ethiopian Airlines confirmou que a aeronave caiu seis minutos depois de decolar do aeroporto internacional de Adis Abeba às 8h44 (horário local, 2h44 em Brasília), na altura da cidade de Bishoftu, informou em comunicado. O avião, com número de voo ET302, tinha previsto aterrissar no aeroporto internacional de Nairóbi Jomo Kenyatta às 10h25 local.

DN

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.