TRAFICANTE DE DROGAS É ESPANCADO ATÉ A MORTE 2 HORAS APÓS SER RECOLHIDO À CADEIA PÚBLICA DE SÃO GONÇALO

Apenas duas horas após dar entrada na Cadeia Pública de São Gonçalo do Amarante (a 55Km de Fortaleza) um preso acabou sendo morto. O caso ocorreu na noite desta terça-feira (23). O crime ocorreu em uma das celas da unidade prisional que hoje é dominada por detentos da facção Comando Vermelho (CV). O homem executado seria, supostamente, integrante da Guardiões do Estado (GDE) e por conta disso acabou assassinado a socos, pontapés e golpes de “cossoco”.


O morto foi identificado como Raimundo de Menezes Filho, 31 anos, conhecido como “Raimundinho da Rosa”. Na tarde de ontem, uma denúncia anônima levou a Polícia Militar à localidade de Sítio Varjota, no Distrito de Pecém, em São Gonçalo. Ali, os PMs confirmaram a veracidade da informação. Na casa de “Raimundinho”, foram encontradas drogas, uma balança e dinheiro trocado, fato que caracterizou o tráfico. Levado para a delegacia, o acusado foi autuado e, logo depois, encaminhado à Cadeia Pública da cidade.

Premeditado

Logo na entrada, o preso sofreu ameaças diante da falsa informação de que ele seria um estuprador. Depois, se espalhou nas celas o boato de que o “novato” seria membro do PCC. Foi o bastante para que os presos ligados ao CV premeditassem o crime. No começo da noite, detentos invadiram e cela onde “Raimundinho” estava e o espancaram até a morte.

Ainda na noite passada, foi registrada da mesma cadeia uma tentativa de fuga em massa. A PM disparou tiros para evitar a evasão. Já a Secretaria da Justiça e da Cidadania (Sejus) negou que tenha ocorrido uma rebelião. A morte do preso foi confirmada pelo presidente do Conselho Penitenciário Estadual, advogado Cláudio Justa.

BLOG FERNANDO RIBEIRO

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.