CASOS DE SARAMPO NO BRASIL JÁ SUPERAM 1,6 MIL

Brasília. Até a última segunda-feira (10), foram confirmados 1.673 casos de sarampo em todo o País e 7.812 estão sendo investigados segundo atualização feita ontem pelo Ministério da Saúde com base nas informações repassadas pelas secretarias estaduais de saúde. Atualmente, o País enfrenta dois surtos de sarampo: no Amazonas são 1.326 casos e 7.738 em investigação; e em Roraima, o estado trabalha com o registro de 301 casos da doença, sendo que 74 continuam em investigação.


"Os surtos estão relacionados à importação, já que o genótipo do vírus (D8) que está circulando no País é o mesmo que circula na Venezuela, país que enfrenta um surto da doença desde 2017. Alguns casos isolados e relacionados à importação foram identificados nos estados de São Paulo (2), Rio de Janeiro (18); Rio Grande do Sul (18); Rondônia (2), Pernambuco (4) e Pará (2)", disse nota divulgada pela Pasta.

Até o momento, no Brasil, foram confirmados oito óbitos por sarampo, sendo quatro óbitos em Roraima (três estrangeiros e um brasileiro) e quatro no Amazonas (todos brasileiros, sendo dois do município de Manaus e dois do município de Autazes).

Ceará

Dados do sistema de informação do Programa Nacional de Imunização, alimentado pelos estados, indicam que a média nacional de vacinação para sarampo está em 94,7%. A média nacional de vacinação para a poliomielite está em 93,6%. Foram aplicadas em todo o País mais de 22 milhões de doses das vacinas (11,2 milhões de cada vacina).

Os estados do Ceará, Mato Grosso do Sul, Alagoas, Goiás, Paraíba, Maranhão, Sergipe, Espírito Santo, Santa Catarina, Pernambuco, Rondônia e Amapá já atingiram a meta de 95% das crianças vacinadas.

Cerca de 800 mil crianças ainda não tomaram as vacinas contra as duas doenças. A maior preocupação é com faixa de um ano de idade, cuja cobertura ainda está em 85,45%.

O esforço dos profissionais de saúde e da população tem apresentado bons resultados em capitais como Recife (PE), Macapá (AP), Porto Velho (RO) e Vitória (ES), que superaram a meta da campanha. A campanha de vacinação contra o sarampo e a pólio termina amanhã (14).

DIÁRIO DO NORDESTE

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.