PT LANÇA VAQUINHA VIRTUAL PARA CANDIDATURA DE LULA E CONSEGUE ARRECADAR R$ 83 MIL EM UM DIA

O Partido dos Trabalhadores começou uma "vaquinha virtual" para arrecadar fundos para a eventual campanha presidencial de Luiz Inácio Lula da Silva. A plataforma, criada ontem, 6, já arrecadou mais de R$ 83 mil até às 13h43min de hoje; 893 pessoas já contribuíram. 


A arrecadação vem no momento em que o PT tenta lançar a candidatura do ex-presidente, preso desde o último dia 7 de abril por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Pela Lei da Ficha Limpa, ele está inelegível, mas mesmo assim pode registrar sua candidatura no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

Caso o TSE não conceda o pedido de registro, a legislação diz que todo o dinheiro arrecadado deve ser devolvido integralmente aos doadores. Os apoiadores interessados podem dar valores de R$ 10 a R$ 1.084. Para os que desejam doar valores mais altos, é preciso esperar 24 horas.

Uma taxa de 8% do valor doado é cobrada para transações via cartões de crédito e débito. Já no boleto, o montante é, além da doação, um valor de R$ 5,89 e uma taxa de 4% em cima do total.

O financiamento coletivo, conhecido como "crowdfunding" (arrecadação de fundos em inglês) e "vaquinha virtual", é permitido por lei para uso em campanhas eleitorais. A aprovação aconteceu na reforma política do ano passado.

Outros pré-candidatos ao Palácio do Planalto já estão com suas vaquinhas virtuais há mais tempo. O mais bem-sucedido é João Amoêdo (Novo) com R$ 200 mil já arrecadados. Ciro Gomes (PDT-CE) vai estrear nesta sexta-feira, 8, sua vaquinha virtual. Marina Silva (Rede) já anunciou que lançará uma plataforma de doações após a Copa do Mundo.

O esquema de doações acaba no dia 15 de agosto, que é o prazo final de registro de candidaturas. As arrecadações que vierem depois são para as candidaturas deferidas e oficializadas.

O POVO

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.