'CASO JÁ ESTÁ ELUCIDADO', APONTA INVESTIGAÇÕES SOBRE MORTE DA UNIVERSITÁRIA CECÍLIA MOURA

Seis pessoas estão presas por estarem direta ou indiretamenteligadas à morte da universitária Cecília Rachel Gonçalves Moura, 23, vítima de latrocínio na última quinta (12), segundo a Polícia Civil, após ações conduzidas por equipes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e do 13º Distrito Policial. "O caso já está elucidado, com a descoberta das circunstâncias e participação dos suspeitos definidas", conforme aponta nota da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), em coletiva de imprensa nesta segunda (16).



As prisões, ao todo, ocorreram entre quinta e a madrugada de sábado (14). Segue foragido Rodrigo Barbosa de Moura, 29, que já tem passagem por roubo pela polícia, totalizando sete envolvidos no latrocínio. Rodrigo Barbosa conduzia o veículo, que fazia cobertura ao grupo criminoso.

Além de responderem por latrocínio, todos os suspeitos foram indiciados na Lei das Organizações Criminosas. 

"Magrão", autor do disparo fatal, é preso na casa da sogra

O autor do disparo fatal foi preso na casa da sogra no sábado no bairro Itaoca. Geanderson da Silva Barbosa, 21, conhecido por "Magrão", confessou o crime. A arma foi alugada por Jeferson de Sousa Rodrigues, 24, após a promessa de que ficaria com a "metade do arrecadado nas ações criminosas". 

Os primeiros presos ainda no dia do crime: 
  • Antônio Honorato Pinheiro Macedo Filho, 18                                                                               Antecedentes por crime de trânsito
  • Leonardo Lima do Nascimento, 21                                                                                  Passagem anterior pela Polícia por tráfico de drogas
Os últimos 4 identificados; um segue foragido

Com as investigações, Geanderson da Silva Barbosa, 21, conhecido por "Magrão", já com passagens por receptação e apontado como autor do disparo, e Rodrigo Barbosa de Moura, 29, que tem passagem por roubo pela polícia e é ainda o único que resta ser preso, estavam dentro de um Prisma, que abordou a universitária, entre as ruas Onofre Sampaio Cavalcante e Vereador Pedro Paulo, no Parque Manibura. 

Segundo a Polícia Civil, "Magrão" desceu do veículo, anunciou o assalto e atirou na cabeça da jovem. Cecília Moura chegou a ser socorrida, mas não resistiu. Os outros três identificados e presos são:
  • Jessica Ferreira Oliveira, 26, vizinha de "Magrão", informava sobre ações policiais na rua;
  • Jeferson de Sousa Rodrigues, 24, emprestou a arma do crime; 
  • Antônia Alexandra do Nascimento, 37, sem antecedentes, e companheira de "Magrão".

DIÁRIO DO NORDESTE

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.