O PTB DESISTIU DE INDICAR CRISTIANE BRASIL PARA MINISTRA DO TRABALHO

O PTB desistiu de indicar Cristiane Brasil para Ministra do Trabalho no mesmo dia em que chegou à Procuradoria Geral da República (PGR) o inquérito criminal que investiga o envolvimento da parlamentar com o tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas.

Resultado de imagem para PTB desiste de indicar Cristiane Brasil para Ministra do Trabalho

O processo está na Secretaria de Função Penal Originária da Procuradoria- setor que atua em assuntos perante ao Supremo Tribunal Federal. A PGR vai agora analisar como está o inquérito e tomar providências para a continuação das investigações.

O processo foi aberto depois de denúncias recebidas pela Polícia Civil e pelo Ministério Público Estadual do Rio de que Cristiane teria repassado propinas a traficantes de drogas da favela de Cavalcanti, no Rio, para fazer campanha eleitoral no local.

A Procuradoria de Justiça do Rio anunciou que enviaria os autos para o Ministério Público Federal. O MPF encaminhou o material para a PGR porque Cristiane é deputada federal desde 2015 - três anos após a posse no mandato. Como parlamentar, ela tem direito a foro especial no STF. Ela nega as acusações. Ontem, Cristiane afirmou que o partido indicou o ministro interino do Trabalho, Helton Yomura, para o cargo em seu lugar. O nome de Yomura, no entanto, enfrenta resistência dentro bancada de deputados do PTB.

"Sem a Reforma da Previdência, caiu a cotação de Roberto Jefferson no mercado de venda de votos", comentou o líder o PSOL na Câmara, deputado Ivan Valente (SP) em rede social.


DN

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.