MULHER SAI PARA ENTREGAR QUENTINHAS E É MORTA A MANDO DE ADOLESCENTE NO CEARÁ

Uma mulher foi morta na noite dessa segunda-feira, 26, na localidade de Cágado, São Gonçalo do Amarante, município distante 59,4 km de Fortaleza. Mandante do crime, de 17 anos, acreditava que a vítima era informante da polícia. Três pessoas foram detidas e duas fugiram.


De acordo com o secretário de Segurança do município, major Everton Farias, a vítima Maria Alice Rodrigues Mendes tinha um restaurante na própria residência.


"Eles ligaram pra ela pedindo uma quentinha, e quando saiu de casa, a pé, para entregar a refeição, foi alvejada com cerca de 10 tiros", afirma Everton Farias. Maria Alice foi atingida por três disparos. Ela chegou a ser socorrida, mas morreu a caminho do Hospital Municipal.


O crime aconteceu por volta das 21 horas. A polícia fez buscas na região, resultando na prisão de três pessoas por volta das 6 horas desta terça-feira, 27. Um homem de 19 anos, identificado como Carlos Daniel de Sousa Silva, foi preso e o irmão de 16 anos apreendido. Ambos sem passagem pela polícia.


Conforme o major Everton, eles prestavam apoio ao mandante, o traficante de drogas de 17 anos. Ao ser apreendido, o adolescente confessou que mandou matar Maria Alice Rodrigues por acreditar que ela era informante da polícia. Ele disse acreditar que a vítima era a fonte da denúncia que resultou em uma apreensão anterior dele.


Os dois homens que efetuaram os disparos conseguiram fugir, mas de acordo com o secretário de Segurança do município, a polícia já tem a identidade dos suspeitos. Buscas continuam sendo realizadas na manhã desta terça-feira.


A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) também foi contatada, mas não chegou a enviar nota até a publicação desta matéria. 


Fonte: Rubens Rodrigues/ O Povo

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.