BARROSO INTIMA DIRETOR DA PF POR DECLARAÇÕES SOBRE INQUÉRITO DE TEMER

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Roberto Barrosointimou o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, a confirmar as declarações de que a tendência é arquivar a investigação sobre o presidente Michel Temer. 

STF

Em despacho, o ministro, que é relator do inquérito no Supremo, disse ter considerado "manifestamente imprópria", afirmando que ela pode, em tese, "caracterizar infração administrativa e até mesmo penal". 

Barroso determinou também a Segovia que se abstenha de novas manifestações a respeito.

DN

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.