FORÇA TÁTICA RECEBERÁ ADVERTÊNCIA APÓS VÍDEOS MOSTRAREM HOMENS SENDO OBRIGADOS A VANGLORIAR A PM

Os indivíduos são obrigados a falar frases como “Quem manda aqui é a Força Tática” e “É tudo 4”, segurando uma placa da Força Tática. CGD investiga o caso.

Policiais Militares da Força Tática receberão uma “advertência coletiva” devido a dois vídeos que circulam nas redes sociais. Os PMs são investigados em procedimento disciplinar pela Controladoria Geral de Disciplina (CGD).


Maciel Pereira Ribeiro, um dos homens compelidos a falar em vídeo as frases de apologia ao poder policial.

As imagens mostram dois homens, detidos em abordagens policiais, sendo coagidos a proferir frases vangloriando a corporação, enquanto seguram placas com os dizeres “Força Tática”. Os autores dos vídeos, que ditam as ordens, não aparecem nas imagens.

O porta-voz da PM, tenente coronel Andrade Mendonça, afirma que a ação contraria a orientação da corporação para o procedimento de qualquer natureza.

Ele afirma que a Polícia Militar buscará identificar os policiais que gravaram os vídeos e que, independente disso, haverá a advertência a fim de que os demais integrantes da unidade não procedam dessa forma.

“Porque esse procedimento contraria toda uma doutrina de comando“, ressalta o oficial.

No primeiro vídeo, que tem sete segundos, um homem coagido diz: “Comando Vermelho não tá dizendo é nada. Quem manda é a Força Tática. Tudo 4”. Seria uma paródia dos lemas “Tudo 2” e “Tudo 3”, costumeiramente ditos por partidários do “Comando Vermelho” e da “Guardiões do Estado” (GDE), respectivamente.

Em seguida, o protagonista do vídeo endossa ordem dos autores das filmagens, complementando com “no Pirambu” e “PMCE”, a sigla da Polícia Militar do Ceará.

O outro vídeo é semelhante. Nele, distinguem-se pelo menos duas vozes. Em 13 segundos, um homem, também coagido pelos cinegrafistas, diz: “Quem manda aqui é a Força Tática”. Em seguida, um do autores do vídeo ordena: “Vibrando!’, “É alto”, para que ele repetisse a frase. Ele também pergunta depois: “É tudo o quê?”. O homem responde: “É tudo 4”. Segue o diálogo:

— O que é tudo 4? — pergunta retoricamente o autor do vídeo.

— É PMCE! — responde o homem

— Ah, tá certo. — chega a replicar um outro homem que grava as cenas.

Tribuna do Ceará apurou com fontes policiais que o homem impelido a aparecer nesse segundo vídeo seria Maciel Pereira Ribeiro, mais conhecido como Gigante. Ele foi preso na quarta-feira (4), sob suspeita de traficar drogas na região e ter ligação com os atos de vandalismo ocorridos nos dias anteriores no bairro. Conforme a polícia, ele usava uma criança de 11 anos nas práticas criminosas.

A Controladoria Geral de Disciplina afirmou, em nota, ter tomado conhecimento do caso por meio da imprensa. O órgão também reforçou que toda denúncia protocolada na CGD é investigada. “As denúncias podem ser realizadas pelo telefone 155, pelo Sistema de Ouvidoria do Estado e presencialmente”.

Saiba Mais

Os vídeos circulam, pelo menos, desde a quinta-feira (5). Naquela semana, o Pirambu recebeu uma operação policial em decorrência de uma série de atos supostamente praticados por facções criminosas que atuam no bairro.

Na segunda-feira (2), um contêiner de lixo foi incendiado durante uma manifestação ocorrida após um homem morrer em uma intervenção policial, no domingo (1º). Na terça-feira (3), foi a vez de um caminhão de entregas ser queimado.

Uma semanas antes, ameaças fizeram escolas da região não ter aulas. Grupos rivais estariam impedindo que estudantes de áreas reivindicadas pelos inimigos fossem às escolas de regiões que dizem dominar.

Desde então, além de Maciel, foram presos, pelo menos, cinco homens nos bairros Pirambu e Cristo Redentor, todos sob suspeita de tráfico de drogas. Um deles é apontado como um dos chefes do tráfico de drogas no Pirambu. Lucas de Oliveira Herculano, de 21 anos, foi preso na quarta-feira (4). Contra eles, existiam dois mandados de prisão em aberto, ambos por homicídio — um, em 2015; outro, em 2017.


TRIBUNADOCEARÁ

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.