DEFESA DE MICHEL TEMER É ENTREGUE À CCJ DA CÂMARA, CRITICA JANOT E CHAMA DELATORES DE 'ISCARIOTES'

O advogado do presidente Michel Temer, Eduardo Carnelós, protocolou, na tarde de ontem, a defesa do presidente Michel Temer (PMDB-SP) na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados.
Resultado de imagem para ADVOGADO EDUARDO CARNELÓS

Antes, o advogado Antônio Moraes Pitombo entregou a defesa do ministro Moreira Franco (Secretaria Geral). A defesa de Eliseu Padilha (Casa Civil) também já entregou o documento.

"Trata-se de uma peça absolutamente armada. É uma tentativa de golpe", disse o advogado de Temer sobre a denúncia.

Em nota, a defesa do presidente alega que a denúncia apresentada pela procuradoria-geral da República é "forjada em narrativa confusa e inverossímil".

Os três são acusados de organização criminosa e obstrução de Justiça na denúncia apresentada no mês passado pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot. Embora cada advogado tenha apresentado um questionamento individualizado de seu cliente, o caso dos dois ministros e do presidente será analisado num mesmo pacote pela Câmara dos Deputados.

Relator

O relator do caso é o deputado Bonifácio Andrada (PSDB-MG), que votou pela rejeição da primeira denúncia contra Temer no último dia 2 de agosto.

Ele tem dado sinais de que dará um parecer favorável ao presidente. A escolha do tucano gerou polêmica dentro e fora do partido. Rachado desde a votação da denúncia número um contra Temer - por corrupção passiva - o PSDB vê agora essa divisão se acirrar ainda mais.

A ala que prega o rompimento com o governo tentou, mas não conseguiu evitar que Andrada fosse o relator. Na reunião de ontem da CCJ, muitos deputados da oposição criticaram a escolha, argumentando que como é pró-governo, obviamente Andrada fará um parecer pelo arquivamento da peça acusatória.

Com a entrega da defesa, a CCJ agora tem cinco sessões plenárias para encerrar o caso e votar o parecer do relator. No dia da leitura do parecer, a defesa também terá o mesmo tempo usado pelo relator para também apresentar sua argumentação.


DN

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.