TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL NEGA MAIS UM PEDIDO CONTRA O JUIZ SÉRGIO MORO FEITO PELA DEFESA DE LULA

A 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) negou, ontem, mais uma exceção de suspeição movida contra o juiz federal Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, por um réu da Operação Lava-Jato.

Resultado de imagem para TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL

A ação foi ajuizada pelo ex-diretor da Construtora Queiroz Galvão Idelfonso Colares Filho.

Segundo os advogados, Moro seria suspeito para julgar o processo criminal de Colares por ter se autodeclarado suspeito em um inquérito policial em que Alberto Youssef foi investigado em 2007. Para a defesa, a suspeição deveria ser estendida para as ações atuais da Lava-Jato que envolvessem Youssef.

Para o relator, desembargador federal João Pedro Gebran Neto, a causa da suspeição do procedimento investigatório pretérito não se comunica com o atual contexto processual da Operação Lava-Jato.

Desbloqueio

Os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediram a Sérgio Moro que reconsidere sua decisão e revogue o bloqueio de seus bens, determinado em julho passado.


DN

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.