SEGUNDO ESPECIALISTAS AFASTAMENTO E ELEIÇÕES PODEM TRAZER RENOVAÇÃO

Após a experiência do segundo impeachment em menos de 25 anos, especialistas ouvidos pelo Diário do Nordeste avaliaram que as eleições de 2018 podem representar uma possibilidade maior de uma renovação política no Brasil, após um longo período de polarização PT- PSDB.

Resultado de imagem para ELEIÇÕES 2018

"As próximas eleições serão históricas e decisivas: ou as instituições do País vão recuperar sua confiabilidade, retomando políticas sociais sérias e avançando nas conquistas democráticas, ou o Brasil vai tornar a crise crônica continuando com a baixa popularidade de suas instituições", afirma o cientista político Jawdat Abu-El-Haj, professor da Universidade Federal do Ceará.

O presidente da Associação Brasileira de Ciência Política, Renato Perissinotto, recorda que as últimas eleições municipais mostraram uma "derrota avassaladora" do PT, e que isso terá um impacto negativo nas articulações de apoio para o próximo pleito. "Não sabemos ainda se Lula vai estar apto a ser candidato. Mas de alguma forma, as chances da esquerda em 2018 passam por Lula, seja como candidato ou como apoiador de outro nome", diz Perissinotto, que é também professor da UFPR.

Para o historiador Airton de Farias, a conjuntura mundial também deve ditar os rumos de 2018. "O impeachment aconteceu, mas a crise econômica internacional continua".

Ele ressalva que as diversas visões atuais sobre o que representou o impeachment de Dilma podem mudar com o tempo devido à natureza das interpretações dos estudiosos sobre os episódios históricos e às novas decisões dos atores políticos atuantes. "Não há visões definitivas. A História é dinâmica, é filha do seu tempo. A História é o embate de memórias", resumiu Airton.


DN

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.