CASAL SOBRALENSE E O FILHO DE UM ANO SÃO SEQUESTRADOS EM FORTALEZA POR TRAFICANTES E MULHER É ASSASSINADA

Um casal e um bebê de menos de 1 ano foram raptados por criminosos, no bairro Siqueira, em Fortaleza, e levados até a Lagoa do Banana, no município de Caucaia, onde a mulher foi executada a tiros, na madrugada de ontem. O companheiro da vítima sobreviveu a um tiro no rosto. A criança não foi ferida. O crime teria sido praticado a mando de um integrante da facção criminosa Comando Vermelho (CV).
          



De acordo com o comandante da Área Integrada de Segurança (AIS) 11, tenente-coronel Giovani Martins, a família morava em Sobral, mas acabou sendo encontrada pelos criminosos, em Fortaleza. Conforme a Polícia, a família foi raptada pelo grupo, que utilizou um veículo Volkswagen Voyage, de cor preta, na noite da última quarta-feira (12), e levados até a Lagoa do Banana, a cerca de 31 km de distância.

Laena Rodrigues Nogueira, de 19 anos de idade, foi assassinada a tiros, no local. Já Everton Aragão Nunes, 18, levou um tiro no rosto e fingiu estar morto. Apesar do ferimento, Everton foi encontrado orientado e contou para a Polícia que o responsável pela ação criminosa foi um homem conhecido como 'Ximenes', membro da facção Comando Vermelho (CV) e fugitivo de uma das unidades prisionais localizada em Itaitinga.

A motivação da inimizade entre 'Ximenes' e a família é desconhecida, mas a Polícia acredita que tenha relação com a criminalidade. Após executar a mulher e tentar matar o homem, os criminosos deixaram o filho do casal em uma residência na Praia do Cumbuco, também em Caucaia, e obrigaram um homem a receber a criança.

Abrigo

Ontem pela manhã, uma equipe da Polícia Militar localizou o bebê e o encaminhou para um abrigo, para ser assistido pelo Conselho Tutelar. A Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) iniciou a investigação para tentar elucidar a motivação e localizar os suspeitos.


SOBRAL24HORAS

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.