COMERCIANTE É MORTO APÓS NEGA DOSE DE BEBIDA ALCOÓLICA

O gari Francisco Gonçalves Vieira, de 54 anos, conhecido por "gago", assassinou o comerciante Francisco Eudes Barroso, na tarde desta quinta-feira (27), no Centro de Orós, cidade distante 410 quilômetros de Fortaleza.A motivação do crime foi a recusa do comerciante em vender uma dose de bebida alcoólica ao acusado.


De acordo com a Polícia Civil, o acusado já estava embriagado quando tentar comprar mais uma dose. Com a recusa do comerciante, ele desferiu umafacada no pescoço da vítima, que ainda foi levada para o hospital Luiza Teodoro da Costa, mas não resistiu.

‘Gago’ foi foi preso em flagrante nas proximidades do crime. Ele chegou a ser detido por populares, e por pouco, não foi linchado pela população. A polícia conseguiu interferir.

O acusado do crime foi autuado na delegacia regional de Polícia Civil de Icó pelo delegado titular Erlon Leite. Ele já respondia por dois homicídios.


DN

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.