POLÍCIA IDENTIFICA OS SEIS MORTOS EM CHACINA EM AQUIRAZ E PRENDE HOMEM QUE ESTEVE NO LOCAL DO CRIME

A Polícia Civil identificou as seis vítimas da chacina de Aquiraz, que vitimou seis pessoas na noite de sábado (3) , e prendeu um suspeito, Weslley Barros Morais, de 26 anos. De acordo com os policiais da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o suspeito preso já responde por roubo e estava com um mandado de prisão em aberto também por roubo.

Resultado de imagem para Homens invadem casa de praia no Porto das Dunas e matam seis pessoas, na Grande Fortaleza

Ele estava na residência onde um grupo de 20 pessoas - parte delas envolvida em crimes - realizava uma festa. Em depoimento, o homem detido afirmou que foi convidado por Davi, um dos mortos, para a festa na casa de praia.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, investigações iniciais apontam que um grupo de mais de 20 pessoas realizava uma festa na casa de veraneio, quando cerca de quatro homens encapuzados chegaram ao local, em dois veículos, invadiram a residência e passaram a atirar nas vítimas.

O grupo invasor derrubou o portão da frente da casa colidindo com os veículos, segundo levantamento dos policiais. No sábado e na madrugada do domingo, várias testemunhas foram ouvidas na sede da delegacia especializada.

Das seis vítimas, quatro não têm antecedentes criminais: Nilo Barbosa de Souza Neto (33), Matheus de Matos Costa Monteiro (23), Edmilson Magalhães Neto (25) e Klinsmann Menezes Cavalcante (26). As outras duas vítimas são Davi Saraiva Benigno (23), que respondia por tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo de uso restrito; e Fernando dos Anjos Rodrigues Júnior (35), que respondia por estelionato.

G1

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.