NÚMEROS DE MORTES NO TRÂNSITO NO CEARÁ VOLTA A CAIR

O número de mortes por acidentes de trânsito no Ceará voltou a cair, embora continue maior que os índices de 2010. De acordo com levantamento realizado pelo Ministério da Saúde, em o número de óbitos caiu de 2.634, em 2014, para 2.305, em 2015. No ano de 2010, foram 2.065 pessoas mortas por ocorrências nas estradas.

Em 2015 foram registrados 2.305 acidentes de trânsito no Ceará, enquanto em 2010 o índice foi de 2.065 pessoas mortas nesse tipo de ocorrência.  (Foto: Elias Bruno/G1 CE)

Durante o período entre 2014 e 2015, o Ceará foi o quinto estado brasileiro com maior redução da mortalidade nesta modalidade. Em números absolutos, destacam-se São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia. Por outro lado, Paraíba, Sergipe e Roraima registraram aumento no número de óbitos.

Óbitos por acidentes de trânsito no Ceará

2015: 2.305 óbitos
2014: 2.634 óbitos
2013: 2.362 óbitos
2012: 2.442 óbitos
2011: 2.067 óbitos
2010: 2.065 óbitos

A análise destaca ainda Goiânia (GO), Fortaleza (CE) e São Paulo (SP) entre as capitais que tiveram quedas nos números de vítimas por acidentes de trânsito.

Em âmbito nacional, foi registrada uma queda de 11% em um ano. O Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM) apontou que 38.651 pessoas foram vítimas do trânsito em 2015 em todo o país, contra 43.780 óbitos registrados no ano anterior.

Resultados

O Ministério da Saúde aponta a intensificação das ações de fiscalização após a lei seca como fator que pode ter contribuído para esta diminuição nos índices, por conta do maior rigor na punição, o que teria motivado mudanças nos hábitos dos brasileiros em relação ao consumo de bebidas alcoólicas antes de dirigir.

Outro fator apontado é a desaceleração da economia, já que o incremento na frota veicular no Brasil entre 2014 e 2015 foi de 4,6%, muito abaixo do registrado entre 2010 e 2015, quando a frota total de veículos triplicou.

A transferência das responsabilidades de fiscalização no trânsito para os municípios também apresentou resultados, conforme o Ministério. Aquelas cidade que adotaram a medida conseguiram redução em 12,8% nas mortes por acidentes, enquanto as demais tiveram queda de 8,9%.


G1

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.