MORRE, AOS 71 ANOS, O SANFONEIRO CLEMENTINO MOURA

O sanfoneiro cearense Clementino Moura, de 71 anos, morreu na manhã desta segunda-feira (29). Ele estava internado há três dias devido a complicações renais. Ele deixa, além do som da sua sanfona, um filho também músico, Clementino Filho. Conhecido nos clubes como “Rei da Gafieira”, Clementino é irmão de Otílio Moura, outro sanfoneiro.

clementino moura

O velório será nesta segunda-feira, a partir das 16 horas, na Caixa Beneficente dos Militares do Ceará (Cabemce), na Av Domingos Olímpio, 1589, no bairro Benfica. Já o sepultamento está confirmado para terça-feira (30), às 10h, no Cemitério Parque da Paz, na Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 4454.

Nascido na cidade de Capistrano, cidade distante 120 quilômetros de Fortaleza, em 14 de novembro de 1945, Clementino mostrou inclinação pela música por influência do pai, que também tocava sanfona.

Durante sua vitoriosa carreira, o cearense dividiu o palco com outros grandes músicos nordestinos como Dominguinhos, Jackson do Pandeiro e Luiz Gonzaga.

Antes de ganhar sucesso tocando sanfona, Clementino Moura foi taxista e até mesmo policial militar, quando tocou integrou a banda de música da corporação.


DN

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.