PARA ELAS: COLETOR MENSTRUAL, O NOVO QUERIDINHO DAS MULHERES

Quando você pensa em menstruação, o que lhe vem à cabeça? Para muitas mulheres, menstruar é sinônimo de cólicas, inchaços e mudanças de humor. Em paralelo, é o período em que ela precisa estar sempre usando absorventes, que podem ocasionar desconfortos e alergias. De olho no público feminino, o mercado se depara hoje com alternativas como o coletor menstrual. Feito de silicone cirúrgico, hipoalergênico e sem químicos, o coletor é no formato de copo e, como o próprio nome diz, sua função é coletar, ao invés de absorver, o sangue menstrual. “[Ele] é inserido na vagina pela mulher em posição mais baixa que o absorvente interno e que se amolda às paredes vaginais”, explica Manuela Portela, médica ginecologista da Maternidade-Escola Assis Chateaubriand.



Os benefícios do coletor menstrual passeiam por várias vertentes, a começar pela econômica. Mesmo tendo um custo maior que um pacote de absorvente (entre R$ 40 e R$ 150), sua duração pode ser de até 10 anos, basta respeitar os cuidados de limpeza e armazenamento. O meio ambiente também ganha, já que ao utilizá-lo, a mulher descarta apenas o sangue menstrual coletado, ao contrário do absorvente externo de uso diário, feito de celulose, petróleo e diversos produtos químicos e que levam de 100 a 500 anos para se decompor.

Manuela também frisa um outro benefício: “Com o uso do coletor menstrual, a mulher aprende a se tocar e, dessa forma, conhecer melhor o próprio corpo”. A ginecologista também destaca a comodidade, já que o dispositivo acumula uma maior quantidade de sangue que o absorvente interno, “podendo durar em torno de 6 horas". Em paralelo, Manuela cita alguns riscos, como o de potenciais processos infecciosos que ainda não estão bem estabelecidos, devido aos poucos estudos realizados. “Um segundo risco seria seu iso de maneira incorreta que podem ocasionar danos, além de ser um produto cuja qualidade, eficácia e segurança ainda não estão bem regulamentadas pela Anvisa [Agência Nacional de Vigilância Sanitária]”, completa.

POR BRAGUINHA VIA O POVO

Nenhum comentário

SEU COMENTÁRIO É DE SUA TOTAL RESPONSABILIDADE, FICANDO SEU IP. DE REDE SALVO PARA RESGUARDO DE AÇÕES JUDICIAIS.

Tecnologia do Blogger.